Pular para o conteúdo principal

Minha versão Argos de ser.



Rebelião de coisas, fatos e tragédias acontecendo a nossa volta, e a nossa situação e nos fazermos de cegos, surdos e loucos.


Isso me faz lembrar um personagem da mitologia grega que cai como luva. Encontrei o “Argos”, o monstro de cem olhos, que foi designado por Hera a guardar Io, a amante de Zeus. No meu caso mandei ele vigiar e cuidar da minha mulher que anda naquele frio congelante de Paris.


Não querendo ser egoísta, sério mesmo! Quem precisa de um Argos assim é o Brasil. Nesse caso seria imprescindível, seriam úteis que os 100 olhos estivessem sempre abertos, e não como na mitologia, em que enquanto 50 dormiam, os outros 50 ficavam em alerta. Porque no nosso país o poço é sempre mais embaixo, e se a gente piscar, os a política, a ganância, a ignorância do povo que não sabe votar, a negligência e descaso, a violência e a exploraçao infantil podem nos comer vivos. Vale salientar que aqui no nosso Brasil, além dos olhos, é preciso ouvidos aguçados e os nossos "ticos" e "tecos" funcionamento a todo vapor.


Mas é claro, população brasileira vive na OMISSÃO, e ainda usam aquela terapia ocupacional “FESTAS, PIZZAS E BALADAS” para esquecer os fatos reais. E assim, muitos preferem fechar o par de olhos que, tapar os ouvidos e dar férias para o Tico (marajá), enquanto o Teco trabalha (operário). MAS EU NÃO SIGO O MESMO REBANHO.


Não venha me achar pretensioso, ou um deus da mitologia ou algo parecido. Apenas quero como uma cidadão comum insatisfeito e inconformado com o que está vendo a minha volta, e  me restou mãos e boca para reclamar, e paciência. Não vou querer bancar o anjo mau. Se esse simples texto vai surtir algum resultado? Sou realista, sei que não. Mas aqui na minha vida real pelo menos incentivei outras pessoas.

Fonte Pedindo passagem - adaptação Mr.Jones

Comentários

  1. Grande Dieguito!
    Com certeza temos que manter os olhos bem abertos, os ouvidos bem abertos e gritar o mais alto que pudermos quando vemos sujeiras no nosso país... mesmo que só nosso vizinho escute (e as vezes jogue um sapato para nos fazer parar)... ;-) rsrs
    Uma vez vi um texto muit bom do Kanitz... se achar te mando... acho que vais gostar.
    Grande abraço, Fernandez.

    ResponderExcluir
  2. Diego

    Bravo!...Assim se fala!...
    Não é só aí no Brasil...é em tdo o mundo.

    beijnhos
    joana

    ResponderExcluir
  3. Olá Diego,

    Talvez seja a versão quixotesca que todos nós abrigamos no nosso interior...

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Olá Diego!

    Essa é uma tarefa muito difícil. Tanto mais quando feita individualmente. Mas é honrosa! :)

    Beijos
    Luísa

    ResponderExcluir
  5. Dieguito, como disse, o buraco é mais embaixo mesmo.
    Não tem Argos que dê jeito não, a decadência está mesmo no ser humano.
    Perdemos as referências,não respeitamos as hierarquias, a moral e a decência então ninguem mais possui nem pratica, é o caus total , onde vale tudo.
    Infelizmente é a triste constatação.
    Mas não desista em denunciar e tentar.

    Abraço

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    estou de volta e com saudades desse espaço.
    Parabéns pelo post e S.O.S Pátria amada Brasil, pena que muitos continuam deitados em berço explêndido,tomara que acordem e use a unica ferramenta possivel,oVoto,simples nao reeleger o já está perpetuado aí,
    apareça,
    Boas energias
    Mari

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Pseudolalia - Doença da mentira

Pseudolalia - Doença da mentira A Pseudolalia é uma mentira compulsiva resultante dum longo vício de mentir. A pessoa mente por mentir, perde a noção do que é verdade ou não, convence-se das mentiras como puras verdades.

A pseudolalia pode conduzir a graves distúrbios de personalidade, podendo o pseudolálico acabar por perder a sua individuação e viver num real criado imaginariamente, comportando-se duma forma difícil de contacto humano e só com tratamentos profundos poderá melhorar.

As pessoas perdem lenta e gradualmente a consciência da gravidade da doença que vão adquirindo, porque a sua realidade vai perdendo cada vez mais sintonia com o verdadeiro real. Por fim o vício de mentir é um acto inconsciente e perante a mais simples situação a fuga à verdade brota espontânea e como uma repetição compulsiva e criação de verdades inexistentes.
Mentirosos compulsivos.

Há quem diga mentiras caridosas.
Há quem minta por vício.
Há quem diga meias verdades.
E também há quem diga sempre a verdad…

A Sexualidade Precoce

Continuando a coluna polêmica, hoje a minha convidada é a MARI COSTA do blog COMO SER UM PROFISSIONAL DE SUCESSO (Faça uma visita e confira).


No mundo contemporâneo, as crianças estão começando cada vez mais cedo a descobrir a sexualidade, não aquela sexualidade que Freud afirmava que a  função sexual existe desde o princípio de vida, logo após o nascimento e não só a partir da puberdade como afirmavam as idéias dominantes,escandalizando  a sociedade repressora daquela época ,Freud delineou uma teoria da desenvolvimento psicosexual com cinco fases distintas: o estágio oral (0 - 1,5 anos) onde sua principal região de prazer é a boca; o estágio anal (1,5 - 3,5 anos) quando região de prazer se desloca para o ânus; o estágio fálico(3,5 - 6 anos) quando dá-se então conta da diferença de sexos, tendendo a fixar a sua atenção libidinosa nas pessoas do sexo oposto e culminou com a resolução do Complexo de Édipo nos meninos, já as meninas o complexo de Édipo nunca se desfaz, seguida de um perío…

Dia do inimigo

Muita gente critica a comemoração do Dia do Inimigo. Dizem que é mais uma jogada comercial, uma data inserida no calendário apenas para aumentar os lucros de pistoleiros e espancadores profissionais.Mas nós, que somos de raiz, sabemos apreciar o espírito da coisa. E damos o maior valor àquela tramóia simples, executada sem grandes orçamentos, mas planejada com muito ódio no coração, que é o que importa. Inimigo de verdade não se importa com inflação, crise de alimentos, essas bobagens. Isso só motiva mais.
E como a data se aproxima, hoje vamos fazer um teste para você ver se está pronto para comemorar: 1 – Quantos inimigos você tem?
a) 0
b) 1
c) De 2 a 10
d) Parei de contar2 – Você já se reconciliou com um inimigo?
a) Sim
b) Nunca
c) Algumas vezes, para esfaquear pelas costas em seguida
d) O que é “reconciliar”?3 – Qual o maior motivo para iniciar uma inimizade?
a) Dinheiro
b) Ciúme
c) Inveja
d) Não preciso de motivos4 – Seu(sua) inimigo(a), vamos reconhecer, dá o maior caldo. Você pegaria?
a) Nem …