Pular para o conteúdo principal

Elas traem os maridos. E soltam a língua na net

Claudia Motta, autora do Transgressões Femininas“Lembro com todos os detalhes a primeira vez que prestei atenção nele. Estávamos em um jantar após uma palestra na faculdade e, embora já o tivesse visto algumas vezes circulando pelo campus e na biblioteca. Dessa vez foi diferente, não sei dizer o que acontecia, mas o fato era que não conseguia tirar os olhos dele (…) Estava parado, conversando com um grupo, usava um terno muito bonito, adoro homens de terno, um pouco do meu fetiche observava suas mãos bonitas, dedos longos. Não tive como não pensar em como seria o toque de suas mãos deslizando pelo meu corpo”

É assim que a socióloga paulistana que se apresenta como Cláudia Motta (foto) descreve seu primeiro contato com seu amante, com quem trai o marido há dez anos. Casada há 20, Cláudia, de 45 anos, falou à Fernanda Colavitti, em reportagem de ÉPOCA, que não sente peso na consciência pelo que faz – nem pela traição nem por torná-la pública, mesmo que sob pseudônimo, na internet, no blog Transgressões Femininas.
E Cláudia não está sozinha. Uma reportagem do jornal britânico The Independent, as histórias de esposas reais – e “imperfeitas” – são a nova sensação da internet. Traições e inúmeras descrições de desdém e ódio cotidiano pelos parceiros são o ingrediente principal desse novo tipo de escrita. Além de blogs pessoais, há até um fórum, o True Wife Confessions, para qualquer uma entrar e postar sua história.
A internet, com seu anonimato, sempre foi espaço fértil para os tipos mais variados de confissão, mas o que tem levado as mulheres, de uns tempos para cá, a exporem seus casos extraconjugais?

Em abril deste ano, a Martha escreveu para a revista sobre os desabafos das mães na web. Na reportagem, Adriana Braga, professora de comunicação da PUC do Rio, dizia que o sucesso de sites como o True Mom Confessions, que até virou livro, estava ligado ao desgaste dos espaços para as “conversas de mulher”.
Será que as mulheres estão trocando as amigas pelo teclado? Fiquei navegando por alguns dos sites indicados pelo Independent tentando descobrir por que elas haviam escolhido o blog.
Shelly, de Confessions of a Wayward Wife
Kimberly, The Errant Wife
Tentar entender
Tuesday Malone, como se apresenta a autora de Inside The Affair, descreve o blog como a jornada pelo “campo minado emocional e moral” da infidelidade e por suas “consequências sociais e pessoais”.

Deixar de pensar
“Sou casada, muito de má vontade, com um homem que não me faz mais sentir nada”, descreve-se Shellya, autora do blog Confessions of a Wayward Wife. Talvez Shellya estivesse cansada de ouvir os conselhos para pedir o divórcio e decidiu fazer do blog sua válvula de escape.

Justificar-se
Amy, de My Married Life parece usar o blog para justificar sua pretensa falta de culpa sobre a traição. Ela diz que ama o marido, mas que ainda assim quer conhecer outros homens e escreve para “os homens e mulheres que ficam um tanto perplexos quando a sociedade diz que você pode ter ou um, ou outro”. Mesmo sem remorso, será que Amy precisa de apoio para continuar com seus casos?

Curtir
Para Kimberly, o blog é parte da transgressão. O perigo de ser pega ao trair soma-se ao perigo de ser descoberta pelo marido ao postar. The Errant Wife é mais picante do que os outros blogs.
Em sua opinião, o que leva as mulheres a escrever seus segredos anonimamente na web? Você confessaria os seus?


fonte: http://colunas.epoca.globo.com/mulher7por7/2009/08/02/elas-traem-os-maridos-e-contam-tudo-na-internet/

Comentários

  1. interessante ótimo artigo, acredito ser uma válvula de escape muito difícil falar de si ,falhas ,erros desejos no anonimato a mulhereada aproveita vou la´conferir ,bjoo

    ResponderExcluir
  2. Diego,

    Tenho minha opinião bem formada a respeito do assunto traição/infidelidade.

    Se pretende trair, separe antes.

    Quando acontece a traição, é porque o relacionamento a dois já não tem a mesma importância que antes, pois deixou de existir aquele "chan" entre o casal. Então, o melhor é que os dois sentem, conversem abertamente e exponham os fatos, talvez assim eles consigam até melhorar o casamento, ou relacionamento, que estava fracassado, e recomeçar outra vez.

    Bjs.

    Rosana.

    ResponderExcluir
  3. Diego,

    Francamente eu não percebo a questão da traição. Isto é, compreendo racionalmente mas não a percebo emocionalmente. Porquê trair e complicar? Se uma relação chegou a um ponto onde há necessidade de trair, então é porque a relação acabou. A saída é só uma: separação.

    Beijos
    Luísa

    ResponderExcluir
  4. Olá Diego.
    O artigo é bem interessante.
    Eu nem imaginava que a mulherada falava sobre isso (como um desabafo) na net.
    Mas concordo com a Rosana, se pretende trair separe. Ou ao menos tente conversar com o marido para tentar salvar a relação. Muitas vezes a traição vem de um relacionamento sem diálogo e companheirismo.
    Talvez uma simples conversa pudesse resolver tudo.

    Muito bom o artigo!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. MAIS UMA VEZ A MULHER SE DESQUALIFICANDO PARA SER IGUAL AO HOMEM OU AO MENOS TENTAR, FICO TRISTE EM VER TAIS DEPOIMENTOS, ACHO A TRAIÇÃO O COMEÇO DO FIM DO AMOR QUE AINDA PODE EXISTIR!!
    BJ

    ResponderExcluir
  6. Por que será que as pessoas traem? Por que estão infelizes na primeira relação? Mas então por que continua nela? São perguntas de dificil resposta, não é mesmo? Parece muito simples, mas nada que envolva o psiquismo humano é simples.Mesmo em uma relação onde o amor não exista, se permanece é porque existe um ganho, seja ele qual for. As vezes, a mulher ou o homem vive essa situação e se expõe querendo mesmo ser descoberto. Pode ser a sensação de viver uma aventura, uma vingança inconsciente, um desejo de ser a(o) vilã(ao), a busca por uma felicidade idealizada. Enfim, não dá pra julgar... é preciso conhecer as causas.
    Beijos
    Bel

    ResponderExcluir
  7. olhe Diego, eu tenho uma opinião bastante má das pessoas que traem. sejam de que sexo for.
    e....essa de relacionamento aberto para mim também não encaixa.
    quer mais de um? liberte-se do que tem. não assumam compromissos se não são para cumprir.
    separem-se antes de trair.

    não imaginam a dor que a pessoa traída pode vir a sentir... não pensam que os seus actos podem ferir outros.
    ah que gente esta...

    abçs

    ResponderExcluir
  8. Não tenho muito a comentar...isso nao eh novidade no mundo podre em que vivemos hoje...

    Meu blog tem alguns artigos... que mostra um pouco do meu ponto e vista sobre algums assuntos que me chama a atenção...

    desistodolink.blogspot.com Visite... ficarei imensamente grata

    ResponderExcluir
  9. enganar constantemente alguém com quem vc divide sua casa, sua vida, ou seja lá o q for, é no mínimo equivocado... quando não doentio

    ResponderExcluir
  10. "Compromisso", disse tudo! Outra coisa, independente do sexo, qual a imagem que o(a) infiel terá perante seus filhos?

    ResponderExcluir
  11. Condenável tal postura tanto do homem quanto da mulher que trai. Muitas vezes tais pessoas traem e não separam por puro comodismo ou para saciar fantasias de algo proibido. Todos os lados saem perdendo. Apenas se separe, simples, falta de maturidade ao meu ver, insegurança e de amor próprio. Quando se chega a esse ponto você perde seu valor como pessoa.

    ResponderExcluir
  12. Sou homem e fui traído pela minha ex-mulher com quem vivi 6 anos, ela 27 e eu 30 anos, sou empresário e profissional liberal bem sucedido e ela arquiteta.
    Penso que em certos aspectos até contribui para que a traição acontecesse, fui omisso e negligente, mas, sempre fui respeitador, carinhoso nem tanto.
    Realmente é muito ruim quando se descobre que a pessoa que vc confiou, acolheu, protegeu e dedicou vários anos da sua vida comete tal atitude por ¨baixo do pano¨.
    Se passam mil coisas pela cabeça da pessoa traída, porque minha companheira de tantos anos fez isso? Tínhamos muita afinidade, não tivemos filhos, o sexo era bom, enfim vivíamos uma vida que beirava a perfeição. A intimidade de um casal, pra mim é uma coisa única e que se molda com o tempo, com o convivência. Portanto, como a mulher tem coragem de transar com um cara que nunca viu na vida?
    Quando descobri indaguei isso a ela, e ela me disse que não tinha uma resposta, estranho não é?
    Resolvi me separar, coisa que ela não acreditava que eu teria coragem, mas, quando percebeu que minha decisão era seria, desabou a chorar e implorar para que eu reconsiderasse minha decisão, mas, apesar do amor, fui firme e mantive tal decisão.
    Enfim, passaram-se dois anos e hj encontrei uma pessoa maravilhosa, inteligente e que sabe o que quer da vida e temos planos de construir uma vida juntos.
    Antes de trair, tanto o homem quanto a mulher, precisam colocar na balança, os prós e contras da situação, se ela se adapta a aventuras e paixões passageiras ou se prefere relacionamentos sérios e duradouros, no caso da primeira hipótese é melhor ficar solteiro, pois traição envolve famílias inteiras e arrependimento pode levar a situação desconfortavel para o resto da vida.

    ResponderExcluir
  13. é isso aí, anonimo...

    ResponderExcluir
  14. Li todos os comentários; a maioria previsível nas respostas: 'separação'
    A verdade é que nessa nova geração não existe mais no vocabulário deles a palavra 'fidelidade' e todos os seus derivados. O cidadão que não quiser ser traído simplesmente terá de viver sozinho.
    Acho uma hipocrisia ouvir/ler pessoas afirmando que jamais trairá. Isso não existe mais.
    Não é que não exista mais respeito. Prefiro acreditar que os conceitos são outros.

    Se existissem tantos fiéis aos seus parceiros como aparecem por aí a cada esquina que nós andamos, o mundo seria cor de rosa. É muito fácil falar que "nunca trairia" ou pensar de si mesmo que "sou politicamente correto". Mas isso, infelizmente, está deixando de existir...

    Pessoas bonitas, acordem! O mundo não é tão rosa quanto parece!

    ResponderExcluir
  15. Olha gente traiçao pode ser um drama, deve ser ruim p caramba mas nao eh o fim. Eh perdoavel, pq ninguem eh perfeito e aliás até Jesus foi traido imagine nós mortais. Traiçao nao ker dizer q a pessoa nao goste de vc, soh esta verificando se tem alguem melhor do q vc, ou sta insatisfeito. No dia em q encontrar alguem melhor do q vc, nao tenha duvida vc vai ser largado. Se nao te largou até agora eh pq nao encontrou alguem melhor do q vc. Relaxe e sinta o clima.......
    Obs> Sou mulher

    ResponderExcluir
  16. kkkkkkkkkkkk nossa tenho que rir pois tem muita gente aqui q ainda vive num mundo cor de rosa!!!!
    se trair é melhorar separar que atirem a primeira pedra quem nunca pecou !!!! eu jamais imaginei q um dia viria trair eu dava minha vida por ele morreria mesmo e do q adiantou nda nao sou feliz e separar nao é asin tal facil qto parece ............nunca diga nunca essa palavra realmente é irreal

    ResponderExcluir
  17. Não sejamos hipócritas toda pessoa casada ou com um compromisso sério tem desejos por um terceiro, seja homem ou mulher,e isso independe se vc ama ou ñ o seu marido ou esposa, o problema é q a sociedade impõe um casal perfeito aquele q nunca sequer imaginaria sair com um terceiro,acho perfeitamente possível uma mulher sair com outro homem só por prazer e mesmo assim amar seu marido, porque ñ.Obs sou homem

    ResponderExcluir
  18. sou casada a 1 ano, mas ja temos uma historia de 3 anos e meio, adoro meu marido porem me ineteressei por um outro homem que por sinal e amigo de trabalho. ele era casado e se separou por minha causa, tabem fiz o pedido de separacao' ´porem me arrependi e pedi para voutar atras. Quando pedi perdao nao confessei que o avia traido pois sabia que ele jamais me perdoaria.
    a questao e' voutei com meu marido nao lhe confessando a verdade, e ainda estou com meu amante' o problema e que agora engano os dois dizendo pro "p" que queria minha vida de vouta mais que o amo muito. E com meu marido "m" tendondo o fazer acreditar que pode confiar em mim novamente...

    ResponderExcluir
  19. Traição é uma questão sentimental que nos afeta financeiramente, distribuindo o que temos com advogados, lojas terapeutas, funerárias, lojas de flores, de móveis.
    Enfim todos ganham, exceto os idiotas quem se separam, na esperança de encontrar alguém extraterrestre que torne sua vida uma eterna aventura.
    Resumindo todos apoiaram o amor louco e sem limites, porque da lucro, lucro pra todo mundo, menos para os idiotas infiéis.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Pseudolalia - Doença da mentira

Pseudolalia - Doença da mentira A Pseudolalia é uma mentira compulsiva resultante dum longo vício de mentir. A pessoa mente por mentir, perde a noção do que é verdade ou não, convence-se das mentiras como puras verdades.

A pseudolalia pode conduzir a graves distúrbios de personalidade, podendo o pseudolálico acabar por perder a sua individuação e viver num real criado imaginariamente, comportando-se duma forma difícil de contacto humano e só com tratamentos profundos poderá melhorar.

As pessoas perdem lenta e gradualmente a consciência da gravidade da doença que vão adquirindo, porque a sua realidade vai perdendo cada vez mais sintonia com o verdadeiro real. Por fim o vício de mentir é um acto inconsciente e perante a mais simples situação a fuga à verdade brota espontânea e como uma repetição compulsiva e criação de verdades inexistentes.
Mentirosos compulsivos.

Há quem diga mentiras caridosas.
Há quem minta por vício.
Há quem diga meias verdades.
E também há quem diga sempre a verdad…

A Sexualidade Precoce

Continuando a coluna polêmica, hoje a minha convidada é a MARI COSTA do blog COMO SER UM PROFISSIONAL DE SUCESSO (Faça uma visita e confira).


No mundo contemporâneo, as crianças estão começando cada vez mais cedo a descobrir a sexualidade, não aquela sexualidade que Freud afirmava que a  função sexual existe desde o princípio de vida, logo após o nascimento e não só a partir da puberdade como afirmavam as idéias dominantes,escandalizando  a sociedade repressora daquela época ,Freud delineou uma teoria da desenvolvimento psicosexual com cinco fases distintas: o estágio oral (0 - 1,5 anos) onde sua principal região de prazer é a boca; o estágio anal (1,5 - 3,5 anos) quando região de prazer se desloca para o ânus; o estágio fálico(3,5 - 6 anos) quando dá-se então conta da diferença de sexos, tendendo a fixar a sua atenção libidinosa nas pessoas do sexo oposto e culminou com a resolução do Complexo de Édipo nos meninos, já as meninas o complexo de Édipo nunca se desfaz, seguida de um perío…

Dia do inimigo

Muita gente critica a comemoração do Dia do Inimigo. Dizem que é mais uma jogada comercial, uma data inserida no calendário apenas para aumentar os lucros de pistoleiros e espancadores profissionais.Mas nós, que somos de raiz, sabemos apreciar o espírito da coisa. E damos o maior valor àquela tramóia simples, executada sem grandes orçamentos, mas planejada com muito ódio no coração, que é o que importa. Inimigo de verdade não se importa com inflação, crise de alimentos, essas bobagens. Isso só motiva mais.
E como a data se aproxima, hoje vamos fazer um teste para você ver se está pronto para comemorar: 1 – Quantos inimigos você tem?
a) 0
b) 1
c) De 2 a 10
d) Parei de contar2 – Você já se reconciliou com um inimigo?
a) Sim
b) Nunca
c) Algumas vezes, para esfaquear pelas costas em seguida
d) O que é “reconciliar”?3 – Qual o maior motivo para iniciar uma inimizade?
a) Dinheiro
b) Ciúme
c) Inveja
d) Não preciso de motivos4 – Seu(sua) inimigo(a), vamos reconhecer, dá o maior caldo. Você pegaria?
a) Nem …