Pular para o conteúdo principal

Existe tempo para atingir o orgasmo?


Há tempo certo até para atingir o orgasmo


A afirmação acima não tem nada de ficção, é a mais pura verdade. Quem convive com a ejaculação precoce ou mesmo com a disfunção erétil sabe bem que o tempo acaba sendo fator importante no relacionamento a dois

Quantos homens você conhece que tenha qualquer problema na hora da transa? Nenhum? Na verdade existem muitos homens com problemas sexuais. A questão é que o mito da masculinidade, do “macho que é macho nunca broxa” coloca um véu sobre esta dura realidade, O problema não só afeta a cabeça de quem convive com ele na pele, mas também de quem sofre as conseqüências, ou seja, a companheira. Falar sobre o assunto é difícil e complicado, assim como procurar um médico, embora quem esteja de fora, considere o melhor a ser feito.
O programa 2 em 1 de 16 de agosto colocou na roda o tema ejaculação precoce e disfunção erétil e constatou que as dúvidas são recorrentes e que quando se abre um espaço para falar a respeito, a coisa realmente pega fogo. Para responder às perguntas o convidado foi o médico urologista e terapeuta sexual Celso Marzano, que voltou recentemente de um congresso americano, no Texas, que reuniu cerca de 15 mil urologistas para apresentarem novas soluções para os problemas da sexualidade.

Rapidez indesejada

A ejaculação precoce foi sem dúvida a vedete do programa.


Mas o que vem a ser ejaculação precoce?

O próprio nome já diz tudo, quando o cara começa a fazer sexo, já é tarde, ele já ejaculou e a relação que era pra ser bacana e cheia de prazer, terminou e a mulher ficou ali, com cara de paisagem. Dr. Celso considera ejaculação precoce quando ela acontece num tempo que não satisfaz nem ao homem, nem a mulher. Além da insatisfação de ambos, o problema gera uma hipervalorização do pênis, que passa a ser o centro da atenção da transa, desprezando o valor de todas as outras ações que fazem parte de uma vida sexual saudável, e isto aos poucos pode afastar o casal.


O problema é muito maior do que se imagina, cerca de 60% dos homens entre 15 e 35 anos sofrem com essa disfunção. Felizmente existe tratamento, que vai desde a ingestão de medicamentos até acompanhamento psicológico, mas cada caso é um caso, e aí está a importância de perder a vergonha e procurar um médico.

Fala doutor!


“Os homens querem ereção, penetração e orgasmo, como se isso fosse o mais importante.”
“A mulher gosta muito mais de carinho, de entrega e de muito beijo.”

“O homem tem que aprender a masturbar a mulher, pois ele não sabe. E eles têm que aprender com a própria mulher.”
“Aquela mulher, que você chega perto, seu coração bate mais forte, você sua na mão... Aquela mulher já pegou na pele e tem grande chance de rolar.”
“Quanto mais o homem estiver relaxado, mais ele demora para ejacular.”
“É preciso tirar o mito de que é responsabilidade do homem fazer com que a mulher chegue ao orgasmo. O orgasmo é da mulher, é ela que tem de se conhecer e de se entregar.”
“50% das mulheres têm que se masturbar junto com a relação para chegar ao orgasmo, Isso não é defeito de fábrica, é próprio da mulher.”


Frases do Dr. Celso Marzano durante o programa

Comentários

  1. Médico falando de sexo é mesma coisa que careca vendendo produto para nascer cabelo. Só bobagem.
    Menina Virgem

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, você teve um conteúdo publicado no Linka Nisso.

    Abraço da equipe LN.

    ResponderExcluir
  3. concordo plenamente procuro fazer certo minha parte e graças aos amigos que inclue voce também hoje tenho postagens próprias...valeu...fuiiiiiii

    ResponderExcluir
  4. sou mulher e nao consigo senti prazer com neum homen,o que eu faço

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Pseudolalia - Doença da mentira

Pseudolalia - Doença da mentira A Pseudolalia é uma mentira compulsiva resultante dum longo vício de mentir. A pessoa mente por mentir, perde a noção do que é verdade ou não, convence-se das mentiras como puras verdades.

A pseudolalia pode conduzir a graves distúrbios de personalidade, podendo o pseudolálico acabar por perder a sua individuação e viver num real criado imaginariamente, comportando-se duma forma difícil de contacto humano e só com tratamentos profundos poderá melhorar.

As pessoas perdem lenta e gradualmente a consciência da gravidade da doença que vão adquirindo, porque a sua realidade vai perdendo cada vez mais sintonia com o verdadeiro real. Por fim o vício de mentir é um acto inconsciente e perante a mais simples situação a fuga à verdade brota espontânea e como uma repetição compulsiva e criação de verdades inexistentes.
Mentirosos compulsivos.

Há quem diga mentiras caridosas.
Há quem minta por vício.
Há quem diga meias verdades.
E também há quem diga sempre a verdad…

A Sexualidade Precoce

Continuando a coluna polêmica, hoje a minha convidada é a MARI COSTA do blog COMO SER UM PROFISSIONAL DE SUCESSO (Faça uma visita e confira).


No mundo contemporâneo, as crianças estão começando cada vez mais cedo a descobrir a sexualidade, não aquela sexualidade que Freud afirmava que a  função sexual existe desde o princípio de vida, logo após o nascimento e não só a partir da puberdade como afirmavam as idéias dominantes,escandalizando  a sociedade repressora daquela época ,Freud delineou uma teoria da desenvolvimento psicosexual com cinco fases distintas: o estágio oral (0 - 1,5 anos) onde sua principal região de prazer é a boca; o estágio anal (1,5 - 3,5 anos) quando região de prazer se desloca para o ânus; o estágio fálico(3,5 - 6 anos) quando dá-se então conta da diferença de sexos, tendendo a fixar a sua atenção libidinosa nas pessoas do sexo oposto e culminou com a resolução do Complexo de Édipo nos meninos, já as meninas o complexo de Édipo nunca se desfaz, seguida de um perío…

Dia do inimigo

Muita gente critica a comemoração do Dia do Inimigo. Dizem que é mais uma jogada comercial, uma data inserida no calendário apenas para aumentar os lucros de pistoleiros e espancadores profissionais.Mas nós, que somos de raiz, sabemos apreciar o espírito da coisa. E damos o maior valor àquela tramóia simples, executada sem grandes orçamentos, mas planejada com muito ódio no coração, que é o que importa. Inimigo de verdade não se importa com inflação, crise de alimentos, essas bobagens. Isso só motiva mais.
E como a data se aproxima, hoje vamos fazer um teste para você ver se está pronto para comemorar: 1 – Quantos inimigos você tem?
a) 0
b) 1
c) De 2 a 10
d) Parei de contar2 – Você já se reconciliou com um inimigo?
a) Sim
b) Nunca
c) Algumas vezes, para esfaquear pelas costas em seguida
d) O que é “reconciliar”?3 – Qual o maior motivo para iniciar uma inimizade?
a) Dinheiro
b) Ciúme
c) Inveja
d) Não preciso de motivos4 – Seu(sua) inimigo(a), vamos reconhecer, dá o maior caldo. Você pegaria?
a) Nem …