Pular para o conteúdo principal

De bandido a escritor


Quem assistiu ao Fantástico ontem deve ter visto essa matéria.

O cara é um tremendo de um fora da lei, já foi preso inúmeras vezes. E agora que o bem bom no final da vida?
Veja só que esperto. Quer continuar na cadeia VIP com TV colorida, aparelhos de ginástica e ainda computador com direito a 2 hrs de internet por dia (APROVEITANDO O EMBALO: CUIDADO! VOCê PODE ESTA TECLANDO COM ALGUM PRESIDIÁRIO)

Eu espero que o Brasil consiga trazer o Hosmany de volta pro país dele. Ele que venha sentir o gostinho do inferno nas cadeias daqui mesmo, pois é o que merece.
Repararam os inúmeros problemas que este país vem passando(sempre passou). Ainda tem que dá trabalho a justiça para trazer esse bandido de volta?
Pois é, precisávamos de mais este. A gangue do Lulalelê deve rever seus conceitos e fazer o bandido pagar pelos seus crimes no BRASIL.
LUGAR DE BANDIDO É NO BRASIL.

"Hosmany Ramos quer acabar a vida na Islândia como escritor


A ligação foi feita para um presídio na Islândia. Hosmany Ramos, de 64 anos, está preso no local desde o dia 13 de agosto, quando foi pego no aeroporto da capital, Reikjavíc, com o passaporte do irmão.

Cumprindo um mês de sentença em uma cela individual, o ex-cirurgião elogia a cadeia: “A comida é de primeira. Você tem máquina de lavar roupa, secadora. Você tem televisão colorida que o próprio governo dá. Eu tenho computador na minha cela para que eu posso acessar. São duas horas de internet por dia. Então, é outro mundo. É um hotel quatro estrelas, um presídio digno, onde o preso pode ser recuperado, coisa que os brasileiros tinham que vir aqui para ver, com os próprios olhos, copiar o modelo e aplicar no Brasil”, ressalta.

“É preciso avaliar se a cadeia é boa, se é ruim, se é melhor. Só ele que já frequentou muito tempo de cadeia pode fazer”, diz o secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Filho.

Na quarta-feira passada, a Justiça brasileira encaminhou ao governo da Islândia um pedido de extradição de Hosmany, condenado aqui a 47 anos de prisão por quatro assaltos, um sequestro e pelo assassinato do piloto Joel Avon, um dos seus comparsas.

“Usa esse dinheiro brasileiro, que é um dinheiro que as pessoas precisam, na melhoria das escolas. Não queira pegar um avião e gastar gasolina e vir para cá e ficar uma semana aqui em um hotel de primeira, dizendo que vai levar o Hosmany amarrado pelas pernas e pelos braços, porque isso não funciona, com toda a sinceridade”,

“Aí no Brasil, é que fica essa perseguição em cima do preso, sacaneando o preso o tempo todo. Não dá em nada. Não concede nada, e a policia fica o tempo todo fazendo brincadeira de gato e rato atrás de um celularzinho. É coisa normal hoje em dia. Nós estamos vivendo em 2009”,

“Nossa documentação já chegou lá, já houve uma sinalização do governo da Islândia para que nós mandássemos documentos que podem ensejar efetivamente o processo de extradição”, afirma Romeu Tuma Filho.

A prisão de Hosmany Ramos, em 1981, foi um choque para a alta sociedade carioca. Nos anos 70, o então cirurgião plástico que chegou a trabalhar com Ivo Pitanguy prometia seguir uma carreira de sucesso. Mas Hosmany saiu das colunas sociais e ficou de vez no noticiário policial.

Preso, ele tentou fugir várias vezes. Num delas, serrou as grades da janela e tentou descer dez metros até o pátio interno, usando uma corda de pano, mas a corda arrebentou e ele caiu. Em outra, de um muro, Hosmany pulou para a cabine de força, dominou o eletricista com um revólver de brinquedo amarrou o homem e desligou todo o sistema de energia elétrica da penitenciária.

Foram inúmeras tentativas e quatro fugas. A última aconteceu em dezembro do ano passado. Hosmany cumpria pena em regime semiaberto, dormia em uma penitenciária no interior de São Paulo, quando recebeu um indulto de Natal e não voltou mais.

“Eu não sou foragido. Eu abandonei. É diferente uma coisa da outra. Eu abandonei por livre e espontânea vontade. Sai do Brasil, fui até a Guiana Francesa e fui até Paris. Desci no aeroporto de Orly, fiquei lá em Paris uns dias e depois eu visitei vários lugares e fui ate Oslo. De Oslo, eu peguei um avião e vim pra cá”, conta Hosmany.

Se a Justiça brasileira não encaminhar ao governo da Islândia os documentos necessários para o processo de extradição, Hosmany será solto no próximo dia 11 de setembro.

“É obvio que o prazo para trazê-lo não existe. Depois de um processo iniciado de extradição, se for deferido, eles devem estabelecer um prazo para que o Brasil possa efetivamente ir lá e repatriar o indivíduo”, explica o secretário nacional de Justiça.

Na cela, Hosmany prepara sua biografia, que pretende terminar até o ano que vem. Dos dez livros que lançou em quase 27 anos atrás das grades, dois foram publicados pela editora francesa Gallimard, uma das maiores do mundo.

“Eu gostaria de ficar aqui. Esse país é maravilhoso, tem uma energia fora de série. É um lugar ideal pra um escritor viver. E é o que eu quero nesse meu final de vida”, avisa Hosmany.
fonte: FANTÁSTICO"

Comentários

  1. Eu vi esta matéria e inclusive fiz uma postagem sobre, infelizmente temos casos semelhantes, o Sr. Lembra do Cesare Batisti? refugiado politico da Italia que esta exilado aqui no Brasil, irônicamente ambos são escritores e ambos ficaram presos em "celas de luxo"
    Se bater interesse em compartilharmos opiniões de uma passada no meu blog o Pensamentos Urbanos.
    Tenha uma exelente semana.

    ResponderExcluir
  2. cara dá até vergonha de falar comigo sobre noticias eu não assisto TV to boiando em noticias só sei o que vejo na net!

    ResponderExcluir
  3. Brasil,verdadeiro chakabun!
    parabéns!
    bjs
    Mari

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Pelo menos, a princípio, ele deixou o mundo dos crimes e busca apenas escrever. Entretanto, como condenado, deve cumprir a sua pena que a justiça determinou.

    Abraços

    Francisco Castro

    ResponderExcluir
  5. Bem, eu não conheço a ave, mas parece-me que ele gosta do bem bom e está nitidamente a gozar as autoridades brasileiras. Santa paciência!!!

    Ele afinal não foge da cadeia, abandona, o que é muito diferente! Hilariante.

    Abraços
    Luísa

    ResponderExcluir
  6. Já analisei seus blogs, desculpe-me a demora, é que tive alguns probleminhas.

    ResponderExcluir
  7. realmente, concordo com você, ele precisa vir para o Brasil pra saber qual que é...

    ResponderExcluir
  8. Este mundo é FANTÁSTICO, tem cara de pau, MADE IN BRAZIL

    ResponderExcluir
  9. kkkkkkkkk.... o cara tem história hein,,,
    infelizmente ele é mais made in brazil Joselito muito boa essa....!!!!

    ResponderExcluir
  10. Bem interesante, Eu gostei do conteudo do texto, diferente.

    ResponderExcluir
  11. Eu havia visto esta notícia em outro notíciario
    e a reporter falava com o bandido como se ele estivesse em sua própria casa
    é um absurdo
    Bandido ter tantas regalias e quem é trabalhador
    as vezes não chega a ter 1/3 dos privilégios que ele está tendo.
    Lamentável
    Abraços

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Pseudolalia - Doença da mentira

Pseudolalia - Doença da mentira A Pseudolalia é uma mentira compulsiva resultante dum longo vício de mentir. A pessoa mente por mentir, perde a noção do que é verdade ou não, convence-se das mentiras como puras verdades.

A pseudolalia pode conduzir a graves distúrbios de personalidade, podendo o pseudolálico acabar por perder a sua individuação e viver num real criado imaginariamente, comportando-se duma forma difícil de contacto humano e só com tratamentos profundos poderá melhorar.

As pessoas perdem lenta e gradualmente a consciência da gravidade da doença que vão adquirindo, porque a sua realidade vai perdendo cada vez mais sintonia com o verdadeiro real. Por fim o vício de mentir é um acto inconsciente e perante a mais simples situação a fuga à verdade brota espontânea e como uma repetição compulsiva e criação de verdades inexistentes.
Mentirosos compulsivos.

Há quem diga mentiras caridosas.
Há quem minta por vício.
Há quem diga meias verdades.
E também há quem diga sempre a verdad…

A Sexualidade Precoce

Continuando a coluna polêmica, hoje a minha convidada é a MARI COSTA do blog COMO SER UM PROFISSIONAL DE SUCESSO (Faça uma visita e confira).


No mundo contemporâneo, as crianças estão começando cada vez mais cedo a descobrir a sexualidade, não aquela sexualidade que Freud afirmava que a  função sexual existe desde o princípio de vida, logo após o nascimento e não só a partir da puberdade como afirmavam as idéias dominantes,escandalizando  a sociedade repressora daquela época ,Freud delineou uma teoria da desenvolvimento psicosexual com cinco fases distintas: o estágio oral (0 - 1,5 anos) onde sua principal região de prazer é a boca; o estágio anal (1,5 - 3,5 anos) quando região de prazer se desloca para o ânus; o estágio fálico(3,5 - 6 anos) quando dá-se então conta da diferença de sexos, tendendo a fixar a sua atenção libidinosa nas pessoas do sexo oposto e culminou com a resolução do Complexo de Édipo nos meninos, já as meninas o complexo de Édipo nunca se desfaz, seguida de um perío…

Dia do inimigo

Muita gente critica a comemoração do Dia do Inimigo. Dizem que é mais uma jogada comercial, uma data inserida no calendário apenas para aumentar os lucros de pistoleiros e espancadores profissionais.Mas nós, que somos de raiz, sabemos apreciar o espírito da coisa. E damos o maior valor àquela tramóia simples, executada sem grandes orçamentos, mas planejada com muito ódio no coração, que é o que importa. Inimigo de verdade não se importa com inflação, crise de alimentos, essas bobagens. Isso só motiva mais.
E como a data se aproxima, hoje vamos fazer um teste para você ver se está pronto para comemorar: 1 – Quantos inimigos você tem?
a) 0
b) 1
c) De 2 a 10
d) Parei de contar2 – Você já se reconciliou com um inimigo?
a) Sim
b) Nunca
c) Algumas vezes, para esfaquear pelas costas em seguida
d) O que é “reconciliar”?3 – Qual o maior motivo para iniciar uma inimizade?
a) Dinheiro
b) Ciúme
c) Inveja
d) Não preciso de motivos4 – Seu(sua) inimigo(a), vamos reconhecer, dá o maior caldo. Você pegaria?
a) Nem …