Pular para o conteúdo principal

ALERTA! Repassem essa história importante


Para todos que gostam de se debruçar sobre o teclado... Segue o ALERTA abaixo.


Partilhe essa história com seus amigos e famílias que tenham crianças e adolescentes que usam a Internet.

Maria podia ouvir passos seguindo-a quando ela voltava da escola para casa. A idéia de estar sendo seguida acelerou as batidas do seu coração.


"Você é uma tola" - ela disse a si mesma - "ninguém está seguindo você.". Para ficar a salvo, ela começou a andar mais depressa, mas os passos acompanharam os seus. Ela temia olhar para trás e ficou feliz por estar já quase em casa. Maria rezou baixinho: " Deus, por favor, faça-me chegar a salvo em casa.". Ela viu acesa a luz de sua varanda e correu o resto do caminho para casa. Já lá dentro, ela se recostou na porta por um instante, aliviada por estar na segurança do lar. Ela deu uma espiadinha na janela para ver se havia alguém lá fora. A calçada estava vazia.

Depois de largar seus livros sobre o sofá, ela resolveu entrar só um pouquinho na Internet. Ela usou seu nickname ByAngel213, checou sua lista e viu GoTo123 online.

Ela então enviou a ele uma mensagem: ByAngel213: Oi, estou contente que vc esteja on line! Eu pensei que estava sendo seguida quando vinha pra casa hoje. Foi terrível!

GoTo123: Uau, você anda vendo muita TV. Por que alguém ia te seguir?


Vc não mora num lugar seguro?

BYAngel 213: Claro que moro. Eu acho que foi minha imaginação, porque eu não vi ninguém quando eu espiei.

GoTo 123: Você deu seu nome aqui na Net?

ByAngel 213: Claro que não! Eu não sou idiota, vc sabe muito bem... GoTo 123: Vc jogou handball depois da escola hoje?

ByAngel 213: Joguei, e nós ganhamos!!!!!!
GoTo 123: Legal! Contra quem vcs jogaram?

ByAngel 213: Contra O Colégio Gama Netto. Caramba, o uniforme delas era o máximo. Eles pareciam abelhas.

GoTo 123: Como se chama o seu time?
ByAngel 213: Nós somos as Gatas do Santa Rosa. Nós temos patas de tigre pintadas nos nossos uniformes.

GoTo 123: Vc lança?
ByAngel 213: Não, eu sou da defesa. Agora eu tenho que ir. Tenho que fazer o dever de casa antes de meus pais chegarem. Eu não quero levar bronca deles. Bye.

GoTo 123: Te vejo mais tarde. Bye.

Enquanto isso...
GoTo123 foi ao menu do computador e escolheu a função que queria. Imprimiu toda a conversa. Pegou uma caneta e escreveu embaixo tudo o que ele sabia sobre Angel mesmo distante dela.

Nome dela: Maria
Nascimento: 29 de novembro de 1990
Idade: 14 anos
Estado em que mora: Rio de Janeiro
Hobbies: handball, dança, bike e ir ao shopping. Além disso, ele sabia que ela morava em Barra porque ela havia dito a ele. Ele sabia que ela ficava sozinha em casa até 6:30 da noite todo dia até que os pais chegassem do trabalho. Ele sabia que ela jogava handball nas
tardes de quinta-feira no time da escola, e o time se chamava Gatas do Santa Rosa. Seu número favorito era 7 e ela o tinha pintado na camisa. Ele sabia que ela estava na oitava série na Colégio Santa Rosa. Ela havia contado tudo isto a ele durante as conversas que tinham on-line. Ele já tinha informações suficientes para encontrá-la agora. Maria não contou a seus pais sobre o incidente no caminho da quadra para casa naquele dia. Ela não queria que eles fizessem uma cena e impedissem que ela viesse sozinha a pé da escola pra casa. Pais são sempre exagerados e os dela eram mestres nisso. Afinal, ela já não era mais uma criancinha.Talvez se ela tivesse irmãos e irmãs, seus pais não fossem tão superprotetores.

Na quinta feira, Maria já tinha esquecido os passos que a seguiram. O jogo estava correndo quando de repente ela sentiu que alguém a observava. Sua mente enviou um alerta. Ela saiu de sua posição de jogo para ver um homem que a fitava fixamente. Ele estava perto da grade e sorriu quando ela o olhou. Ele não parecia ameaçador e rapidamente ela o ignorou. Depois do jogo, ele se sentou numa mureta enquanto ela conversava com o treinador. Ela o viu sorrir de novo quando passou por ele.

Ele balançou a cabeça e ela sorriu de volta. Ele percebeu o nome dela nas costas da camiseta. Ele sabia que a tinha encontrado. Silenciosamente, ele caminhou a uma cautelosa distância atrás dela. Eram poucas quadras até a casa de Maria e depois que ele viu onde ela morava, ele calmamente retornou à quadra e pegou seu carro. Agora ele tinha que esperar. Ele resolveu comer alguma coisa até chegar a hora de ir à casa de Maria. Ele foi até uma lanchonete e sentou lá até a hora de iniciar sua ação.


Maria estava no seu quarto mais tarde, naquele dia, quando ela ouviu vozes na sala. "Maria, venha cá", seu pai a chamou. Ele parecia zangado e ela não imaginava por que. Ela foi até a sala e viu o homem que estava antes na quadra sentado no sofá. "Sente-se", disse seu pai, "este homem acabou de nos contar uma história muito interessante sobre você." Maria foi até a cadeira em frente ao sofá. O que ele poderia ter dito a
eles? Ela nunca o tinha visto antes de hoje! "Vc sabe quem sou eu, Maria? " o homem perguntou. "Não", ela disse. "Eu sou um policial e seu amigo virtual, GoTo123."

Maria estava pasma. "Não pode ser! GoTo é um garoto da minha idade! Ele tem 14 e mora em Brasília!" O homem sorriu. "Eu sei que eu disse isso a você, mas não é verdade. Veja, Maria, há um monte de gente na rede que se fingem de crianças ou jovens. Eu fui um deles. Mas enquanto os outros querem achar jovens e fazer mal a eles, eu pertenço a um grupo que faz isso para proteger os jovens de gente perversa. Eu vim aqui ver você, para ensinar a vc que é perigoso dar muitas informações a pessoas on line. Vc me contou o suficiente sobre vc para tornar fácil a tarefa de encontrar você. Seu nome, sua escola, o nome de seu time de handball e a posição em que vc joga. O número e o nome na sua camisa fizeram tudo ainda mais fácil."

Maria estava de queixo caído. "Vc quer dizer que não mora em Brasília?" Ele riu. "Não, eu moro aqui no Rio também, na Barra. Vc achava que estava segura pensando que eu estava muito distante, não é?" Ela aquiesceu. "Eu tinha um amigo cuja filha era como você. Só que ela não teve tanta sorte. O cara a encontrou e a matou brutalmente quando ela estava sozinha em casa. Jovens são orientados a nunca dizerem que estão sozinhos em casa, mas se esquecem de seguir estas regras quando estão online. Gente má encontra você juntando uma informaçãozinha aqui, outra ali, na Rede. Antes que vc perceba, vc já terá dado a eles o suficiente para
encontrarem vc sem que vc perceba que tenha feito isso. Eu espero que vc tenha aprendido uma lição com isso e não repita mais o que fez."

"Tem minha palavra!"Maria prometeu solenemente.

"Vc vai contar aos outros sobre isso, para que eles fiquem a salvo
também?" "Eu prometo!" Naquela noite Maria e seu pai e mãe se ajoelharam juntos e rezaram.

Eles agradeceram a Deus por proteger Maria do que poderia ter tido um trágico final.

Por favor, encaminhe isso ao máximo de pessoas possível. Retire o nome do remetente, garantindo sua privacidade, e, ao encaminhar, Cópia Oculta. Isto resguardará todos os destinatários de terem seus nomes e emails divulgados.

Por favor, faça isso em benefício deles e seu, vc acabou de ver como segurança na Rede é uma coisa importante. Ensine as pessoas que não devem dar nenhum informação sobre si mesmas.

Este mundo em que a gente vive hoje é muito perigoso. Esteja a salvo. POR FAVOR, COM A DEVIDA SEGURANÇA, NÃO DIVULGUE OS EMAILS DE SEUS AMIGOS, NEM O MEU E NEM O SEU. MUITO CUIDADO COM A CONVERSA NOS CHATS !!!

Fonte: p2gea

Comentários

  1. Bem, espero que essa história seja mesmo divulgada, porque é muito importante que os adolescentes percebam o risco que correm ao dar informações, mesmo que considerem inocentes.
    Quantos casos de desaparecimentos não se terão dado assim?
    Abraços
    Luísa

    ResponderExcluir
  2. SAUDAÇÕES!
    Amigo Diego,
    Sou muito grato por tão importante informação. Tenha a certeza que faço questão de divulgar para todos os amigos...Muito obrigado, querido amigo!
    Abraços,LISON.

    ResponderExcluir
  3. Baby, eu já conhecia esse e-mail, mas já nem me lembrava.
    Sempre bom trazer informações relevantes como essa à tona.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Grande DIEGO, concerteza ja salvei e vou repassar, isso é o minimoque pordemos fazer,
    amigo coisas assim é que tornam a internet feliz e segura parabéns!!

    ResponderExcluir
  5. Vindo conhecer seu espaço nesse mundo doido virtual....rs
    É...um alerta importantíssimo! O mundo não está pra brincadeiras. Virtual ou real. Na verdade, não existe o virtual, pq por trás dele existe APENAS e tão somente pessoas reais idealizando, pesquisando, conversando e .... maquinando qq tipo de coisas.
    Todo cuidado é bem vindo e necessário.

    Linkando vc

    beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Diego,
    A internet nos traz muito conhecimento e informação, mas traz também alguns perigos. Se nós que somos adultos, temos que ter cautela, imagine as crianças. Temos que orientá-las cada vez mais neste sentido. Recebi, por exemplo, um recado estranhíssimo no meu perfil, recado este que imediatamente apaguei. Mas confesso que fiquei assustada. Nunca tinha acontecido até agora. Temos mesmo que ser cuidadosos.
    E alertar cada vez mais os amigos. Ótimo Post! Abs Denize

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A Sexualidade Precoce

Continuando a coluna polêmica, hoje a minha convidada é a MARI COSTA do blog COMO SER UM PROFISSIONAL DE SUCESSO (Faça uma visita e confira).


No mundo contemporâneo, as crianças estão começando cada vez mais cedo a descobrir a sexualidade, não aquela sexualidade que Freud afirmava que a  função sexual existe desde o princípio de vida, logo após o nascimento e não só a partir da puberdade como afirmavam as idéias dominantes,escandalizando  a sociedade repressora daquela época ,Freud delineou uma teoria da desenvolvimento psicosexual com cinco fases distintas: o estágio oral (0 - 1,5 anos) onde sua principal região de prazer é a boca; o estágio anal (1,5 - 3,5 anos) quando região de prazer se desloca para o ânus; o estágio fálico(3,5 - 6 anos) quando dá-se então conta da diferença de sexos, tendendo a fixar a sua atenção libidinosa nas pessoas do sexo oposto e culminou com a resolução do Complexo de Édipo nos meninos, já as meninas o complexo de Édipo nunca se desfaz, seguida de um perío…

Dia do inimigo

Muita gente critica a comemoração do Dia do Inimigo. Dizem que é mais uma jogada comercial, uma data inserida no calendário apenas para aumentar os lucros de pistoleiros e espancadores profissionais.Mas nós, que somos de raiz, sabemos apreciar o espírito da coisa. E damos o maior valor àquela tramóia simples, executada sem grandes orçamentos, mas planejada com muito ódio no coração, que é o que importa. Inimigo de verdade não se importa com inflação, crise de alimentos, essas bobagens. Isso só motiva mais.
E como a data se aproxima, hoje vamos fazer um teste para você ver se está pronto para comemorar: 1 – Quantos inimigos você tem?
a) 0
b) 1
c) De 2 a 10
d) Parei de contar2 – Você já se reconciliou com um inimigo?
a) Sim
b) Nunca
c) Algumas vezes, para esfaquear pelas costas em seguida
d) O que é “reconciliar”?3 – Qual o maior motivo para iniciar uma inimizade?
a) Dinheiro
b) Ciúme
c) Inveja
d) Não preciso de motivos4 – Seu(sua) inimigo(a), vamos reconhecer, dá o maior caldo. Você pegaria?
a) Nem …

Alerta as mulheres - Cuidado com as hemorragias na menstruação.

A minha amada por um bom tempo sofreu de hemorragia na menstruação. Ela achava que seria normal, ou algo do tipo que médicos dizem ser disfunção hormonal, ou outra coisa boba. Mas não é! Até o momento que essa hemorragia acaba por interferir na sua vida sexual e principalmente afetando sua saúde. O problema do ser humano, é só procurar ajuda médica quando o problema já está avançado. Então mulheres! Vocês têm que dá um stop aí na sua rotina e tirar um tempo para fazer um check-up e ter a consciência tranquila que fez a sua parte. Não faça isso pensando apenas em você. Pense também, nas pessoas ao seu redor que não se vê nessa vida sem a sua presença. Alguém que te ama, quer você bem porque precisa do seu amor e sua atenção.
"Você já se imaginou ficando menstruada por 3 meses ou mais ininterruptamente? Pois é, não é normal, mas acontece com mais freqüência do que se imagina. No Brasil, essa é uma queixa constante e crescente, em média 30% das mulheres em período reprodutivo se que…